- atualizado em

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018

A lista dos indicados para o Hall da Fama em 2018 traz nomes de peso como Jason Kidd, Steve Nash, Ray Allen e Grant Hill. Relembre quem são esses craques

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Kidd e Nash estão na lista dos indicados ao Hall da Fama em 2018 (Foto: slamonline)

No final do ano passado foi divulgada a lista de jogadores elegíveis para o Naismith Basketball Hall of Fame’s na classe de 2018.

E entre os indicados temos nomes de peso na história recente da NBA como Jason Kidd, Steve Nash, Ray Allen, Grant Hill, Richard Hamilton e Chauncey Billups.

Kidd e Nash podem ser considerados não apenas 2 dos maiores armadores de sua geração, mas 2 dos maiores armadores da história. Ambos estão nas posições 2 e 3 na lista de jogadores com mais assistências em todos os tempos, atrás da lenda John Stockton. O armador que fez história no Utah Jazz teve 15.806 assistências na carreira, Kidd teve 12.091 e Nash 10.335.

Vamos falar um pouco sobre cada um deles...

Jason Kidd

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Jason Kidd na coletiva do título pelos Mavs (Foto:startelegram.com)

Kidd foi 10 vezes para o All Star Game em sua carreira e foi campeão da NBA pelo Dallas Mavericks em 2011. Além disso, o armador foi 6 vezes escolhido para o Time Ideal da NBA (5 vezes para o 1º time e 1 vez  para o 2º), 9 vezes para o Time de Defesa (4 para o 1º e 5 para o 2º), Calouro do Ano na temporada 1995 e 5 vezes o líder de assistências em uma temporada.

Na carreira suas médias foram de 12.6 pontos, 6.3 rebotes, 8.7 assistências e 1.9 roubos de bola.

Teve sua camisa aposentada pelo New Jersey/Brooklyn Nets.

Veja suas 10 melhores jogadas pelos Nets:

Atualmente Kidd é técnico do Milwaukee Bucks desde 2014, tendo anteriormente treinado o time de Brooklyn na temporada 2013-14.

Steve Nash

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Nash recebe o troféu de MVP de David Stern (Foto: Getty Images)

Por sua vez, o canadense Nash foi 8 vezes para o Jogo das Estrelas e foi eleito 2 vezes o MVP da liga (2005 e 2006). Porém, apesar de ter feito história com a camisa do Phoenix Suns, Nash nunca chegou a uma final da NBA. Além disso, Nash foi 7 vezes eleito para os Times Ideais (3 vezes para o 1º, 2 vezes para o 2º e 3 vezes para o 3º) e liderou a liga em assistências em 5 temporadas.

O armador é ainda um dos os jogadores do Clube dos 50-40-90 - jogadores com médias de pelo menos 50% de aproveitamento nos arremessos, 40% nas bolas de 3 e 90% nos lances livres -, tendo conseguido isso 4 vezes.

Na carreira suas médias foram de 14.3 pontos, 3 rebotes, 8.5 assistências e 0.7 roubos de bola.

Teve sua camisa aposentada pelos Suns.

Veja as 10 melhores assistências de Nash:

Hoje em dia Nash é consultor do Golden State Warriors desde 2016 e enfim conseguiu seu 1º anel de campeão na temporada passada... Agora como "cartola"...

Ray Allen 

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Ray Allen decisivo no Jogo 6 das Finais de 2013 (Foto: nba.com)

Ray Allen foi 10 vezes para o All Star Game e possui 2 anéis de campeão: com o Boston Celtics em 2008 e com o Miami Heat em 2013. O "gatilho" tem ainda 2 indicações para o Time Ideal da NBA (3º time em 2001 e 2º em 2005).

Allen tem também o recorde histórico de bolas de 3 convertidas na liga. É o 1°, com 2.973.

Suas médias na carreira foram de 18.8 pontos, 3.4 assistências e 40% nas bolas de 3.

Veja suas 10 melhores jogadas na NBA:

Grant Hill

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Grant Hill e Jason Kidd dividiram o Prêmio de Calouro do Ano (Foto: espn.com)

Quando Hill chegou na NBA ele teve que lidar com o "peso" de ser chamado de novo Michael Jordan. Teve um ótimo início de carreira pelo Detroit Pistons e foi nomeado co-calouro do ano em 1995, ao lado do já citado Jason Kidd.

Porém, sua carreira foi atrapalhada por lesões, que não o impediram de ser 7 vezes All Star e 5 vezes um All NBA (1 no 1º time e 4 no 2º).

Suas médias na carreira foram de 16.7 pontos, 6 rebotes e 4.1 assistências.

Veja as 11 melhores enterradas de Grant Hill na NBA:

Atualmente é comentarista na TV americana.

Chauncey Billups

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Billups com o Troféu de MVP das Finais de 2004 (Foto: nba.com)

Billups teve 5 participações seguidas no All Star Game (2006-2010) e nessa mesma época esteve 3 vezes nos Times Ideais da NBA (1 vez no 1º time e 2 no 3º). Foi nomeado ainda 2 vezes para o 2º Time de Defesa.

Seu auge foi no ano de 2004, quando foi campeão da NBA e MVP das Finais pelo Detroit Pistons.

Teve o número 1 aposentado exatamente em Detroit.

Veja o TOP 10 de Billups na NBA:

Suas médias na carreira foram de 15.2 pontos, 2.9 rebotes e 5.4 assistências

Atualmente é comentarista na TV americana e chegou a ser cogitado como GM dos Cavs.

Richard Hamilton

Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018
Richard "Rip" Hamilton e o troféu de campeão em 2004 (Foto: espn.com)

Hamilton teve apenas 3 participações no All Star Game (as 3 consecutivas entre 2006-08).

Porém, sua atuação decisiva no Detroit Pistons, onde também foi campeão em 2004, lhe garantiu também a aposentadoria de sua camisa pelos Pistons.

Veja suas melhores jogadas pelo time de Detroit:

Suas médias na carreira foram de 17.1 pontos, 3.4 assistências e 3.1 rebotes.

Outros nomes

Todos esses jogadores foram indicados pela 1ª vez, mas entre os que também compõe a lista de elegíveis a mais tempo estão nomes  como o 2 vezes campeão pelos Pistons Mark Aguirre, o 5 vezes All Star Tim Hardaway, o 3 vezes All Star e atualmente político Kevin Johnson, o  vezes Defensor do Ano e campeão pelos Pistons Ben Wallace e o Calouro do Ano, 5 vezes All Star e hoje comentarista de TV Chris Webber.

Destaco ainda o nome do "mito" do Charlotte Hornets Mugsy Bogues. Afinal, apesar de nenhum feito individual, não é qualquer um que com apenas 1.60m de altura fica na NBA de 1987 a 2011, com médias de 7.7 pontos, 7.6 assistências e 1.5 roubos de bola (rs).

Veja o baixinho em ação:

A lista de indicados ainda contém nomes de treinadores, jogadoras, jogadores internacionais e outros nomes que fizeram algo pelo basquete mundial.

Porém, esses são os destaques relacionados à NBA.

Cabe destacar, ainda, que houve uma mudança na regra de indicação e agora o jogador precisa estar aposentado a apenas 3 anos para entrar no Hall da Fama.

Ou seja, a classe de 2019 já pode ter nomes como Kobe Bryant, Kevin Garnett e Tim Duncan.

Aguardemos...

#ILoveThisGame #Entre4Linhas

Veja Também:

Artigos Relacionados

Sobre o Autor:

André C. Rocha

André C. Rocha

Apaixonado pela NBA desde que viu o Dream Team em 92, torcedor do Bulls e defensor da tese de que "73 não vale nada sem um título". Desde de 2014 tem um tumblr sobe esportes e que tem como assunto principal o basquete: http://entrequatrolinhas.tumblr.com

Comentários

Olá, deixe seu comentário para Conheça mais sobre Jason Kidd, Steve Nash e outros indicados ao Hall da Fama em 2018

Enviando Comentário Fechar :/

©2015 - 2018 Sobe a Bola - Todos os direitos reservados.