- atualizado em

LeBron James jogou com a mão direita quebrada os três jogos finais

LeBron James deu entrevista e disse que quebrou a mão após o jogo 1 das finais da NBA, LeBron quebrou a mão pela frustração de ter perdido o jogo 1

LeBron James jogou com a mão direita quebrada os três jogos finais
LeBron James quebrou a mão logo após o jogo 1 das finais. (Créditos: NBA.com)

LeBron James foi para sua última entrevista das finais da NBA com uma surpresa: um suporte escuro em sua mão direita, cobrindo uma lesão que ele escondeu por uma semana.

"Doeu bastante, joguei os últimos três jogos com a mão quebrada", disse James.

A causa da dor: ele socou algo após o primeiro jogo das finais, sua frustração obviamente foi porque o Cleveland Cavaliers deixou a vitória escapar no jogo 1 das finais contra o Golden State Warriors em meio a erros de jogo que foi para prorrogação.

A lesão nunca foi revelada, e James jogou basicamente cada minuto pelo resto da série com a mão quebrada e fez grandes números.

James não conseguiu a única recompensa que ele ainda procura no basquete. Não haverá desfile para ele este ano, nenhum anel, nenhuma cerimônia de bandeira. Tudo o que James tem agora é algumas semanas para pensar, algumas semanas para ponderar seu próximo passo.

Com isso, o relógio está ligado. O que LeBron James fará a seguir?

"Eu não tenho ideia a essa altura", disse James.

Esse final, uma derrota, era inevitável: por tão bom quanto James foi nessa temporada, seu time não era bom o suficiente para ser campeão. Ninguém deu a eles a chance de derrotar o Golden State Warriors, por razões óbvias. E o final foi uma varrida, a segundo da carreira de James nas finais da NBA e talvez a final mais sem cerimônia de seu tempo em Cleveland.

A final na noite de sexta-feira foi Golden State 108, Cleveland 85. O Cavaliers provavelmente deveria ter vencido o primeiro jogo e teve uma grande chance de ganhar o terceiro jogo, mas não há como duvidar de quem é o melhor time.

Os Warriors são melhores. James sabe disso.

Os Warriors são mais espertos. James também sabe disso.

Ele marcou 23 pontos no jogo 4, de longe, seu jogo de pior aproveitamento da série. O Cavs liderou brevemente no primeiro tempo, mas acabou perdendo a liderança logo após o intervalo. James foi substituído por Cedi Osman com apenas 4:03 restando para a partida terminar, apertou a mão de alguns dos jogadores do Warriors a caminho do banco, e saiu da quadra pouco depois do jogo terminar.

"Ele é um menino mau e eu adoro tê-lo em nosso time", disse o técnico do Cavaliers, Tyronn Lue. Ele luta e compete até o fim. Às vezes você pode dar tudo o que tem e ainda assim ficar aquém. Eu pensei que é o que nosso grupo de caras fez nesta série.”

É totalmente possível que James tenha saído da quadra na sexta-feira à noite sabendo que estava vestindo um uniforme dos Cavs pela última vez.

Mas é difícil visualizar um cenário em que James saiba para onde está indo, em qualquer lugar que seja.

Houston e o Los Angeles Lakers são freqüentemente mencionados como possíveis destinos de James, mas como eles estão na Conferência Oeste, isso significaria lidar potencialmente com os Warriors no início dos playoffs. Ele poderia ir para a Filadélfia e se juntar a uma equipe promissora, apesar de um agora lidar com questões do front-office após a renúncia de Bryan Colangelo em um escândalo de uso do Twitter. Ele poderia voltar para Miami, um lugar que ele ainda ama.

A coisa é, não há escolha óbvia.

Sua decisão será baseada no que sua família quer e onde ele pode ganhar.

"Minha família é uma grande parte do que eu decidir", disse James.

Mesmo que os Lakers tenham tentado de tudo para levar os talentos de James e outro jogador de primeira linha como um Paul George neste verão, ainda é difícil vê-los prontos para ultrapassar os Rockets e Warriors no Oeste. Filadélfia pode estar à beira de competir no Leste, mas ainda não parece um time campeão. Houston pode parecer a jogada certa a se fazer, mas ninguém sabe como um trio de James-Chris Paul-James Harden funcionaria.

O que está claro é o seguinte: Cleveland não deve ganhar outro título da NBA tão cedo, se manter o elenco parecido com a que teve nesta série.

E James quer mais anéis. É por isso que ele gasta bem mais de US$ 1 milhão por ano para ajustar e aprimorar seu corpo. É por isso que, em sua 15ª temporada na NBA, ele estava mais dominante do que nunca.

Ele não está mostrando sinais da idade, ainda.

Mas ele tem 33 anos. A janela da grandeza de James vai fechar, algum dia.

"Acho que talvez o maior legado de LeBron seja que há cinco anos ele foi um dos cinco melhores jogadores de todos os tempos", disse o técnico do Warriors, Steve Kerr. "De cinco anos atrás até agora, parece que ele é 10 vezes melhor, porque ele adicionou muita habilidade ao seu jogo."

James pode sair sem dar nada ao nordeste de Ohio. Ele voltou. Ele trouxe a Cleveland um título da NBA. Ele deu tanto à cidade. Ainda assim, James nunca esquecerá a infame carta que o proprietário de Cavaliers, Dan Gilbert, escreveu quando ele partiu para Miami em 2010.

Se ele fica ou vai, agora é o verão de LeBron novamente.

Muitos movimentos de agentes livres em torno da liga depois do dia 1 de julho serão interrompidos enquanto as equipes esperam para ver o que James faz. Sua decisão, seja ela qual for, pode significar que Kevin Love será negociado. Sua decisão, seja ela qual for, poderia decidir se Lue volta como treinador. Sua decisão, seja ela qual for, determinará se Cleveland é um candidato ao título na próxima temporada ou vai para o rebuilding. Não há realmente nada decidido enquanto LeBron não decidir.

Tudo depende de James.

Como a liga parece daqui a um ano depende de muitas maneiras do que ele decidir daqui a algumas semanas.

"Vamos ver o que acontece", disse James.

Com isso, ele se foi. Cleveland só pode esperar que ele volte.

Veja Também:

Artigos Relacionados

Sobre o Autor:

Thiago Colman

Thiago Colman

Acompanha a NBA desde 2006, torce pelo maior campeão da liga com 17 títulos, acredita que números não valem nada, se não vierem junto com anéis.

Comentários

Olá, deixe seu comentário para LeBron James jogou com a mão direita quebrada os três jogos finais

Enviando Comentário Fechar :/

©2015 - 2018 Sobe a Bola - Todos os direitos reservados.