- atualizado em

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs 2018 da NBA

Analisamos os confrontos, lembramos o histórico das equipes e demos nossos palpites para as séries da 1ª rodada dos playoffs 2018 da NBA

Após um final de temporada regular emocionante, onde muita coisa foi decidida apenas na última rodada, já conhecemos quais serão os confrontos dos playoffs da NBA em 2017-18.

Cabe destacar o Houston Rockets com a melhor campanha da liga, o Toronto Raptors como líder do Leste, o Boston Celtics na 2ª posição da conferência mesmo sem Gordon Hayward e Kyrie Irving, o Philadelphia 76ers voltando aos playoffs já na 3ª posição, o Cleveland Cavaliers apenas em 4º, o San Antonio Spurs apenas em 7º e o Minnesota Timberwolves de volta à pós-temporada pela 1ª vez desde 2004.

Veja como ficou o chaveamento em cada conferência:

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018

E confira uma breve análise, o calendário de cada série e os palpites da Equipe do Sobe a Bola para cada confronto.

Conferência Oeste

Houston Rockets (1º - 65-17) x Minnesota Timberwolves (8º - 47-35)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Charles Barkley e Kevin Garnett nos playoffs de 1997 (Foto: Glenn James-Getty Images)

Confrontos na temporada 2017-2018: 4 x 0 (Rockets)

Confrontos em playoffs: 1

  • Vitória dos Rockets por 3 x 0 na 1ª rodada de 1997

Principal jogador dos Rockets: James Harden - 30.4 pontos, 8.8 assistências, 5.4 rebotes, 1.8 roubos, 44.9% nos arremessos, 36.7% nas bolas de 3 e 85.8% nos lances livres

Principal jogador dos Wolves: Jimmy Butler - 22.2 pontos, 4.9 assistências, 5.3 rebotes, 2 roubos, 47.2% nos arremessos, 35% nas bolas de 3 e 85.4% nos lances livres

Prévia:

Os Rockets chegam aos playoffs como donos da melhor campanha da liga e com o recorde de vitórias na história da franquia (superaram em 7 vitórias o time campeão em 1993-94). Além disso, quebraram o próprio recorde de time com mais bolas de 3 pontos convertidas em uma temporada com 1256 (tiveram 1181 em 2016-17) e tem em James Harden o grande candidato ao prêmio de MVP da temporada.

Harden é o cestinha do campeonato, 3º em assistências e líder em bolas de 3 convertidas (265). 

Mas o time do técnico Mike D´Antoni é muito mais do que o "Barba", tendo mais 5 jogadores com média de dígitos duplos em pontos. Destaque para Chris Paul (18.6 pontos e 7.9 assistências por jogo), Eric Gordon (18 ppj) e Clint Capela (13.9 pontos, 10.8 rebotes e 1.85 tocos por jogo).

Já os Wolves retornam aos playoffs após 14 anos de ausência. E se tem um nome que pode considerado o responsável por isso, ele é Jimmy Butler!

Afinal, antes da lesão do All Star - adquirido na noite do último draft - o time de Minnesota chegou a ter a 3ª melhor campanha do Oeste. Porém, após perder o camisa 23 por aproximadamente 20 jogos, a equipe precisou brigar até a prorrogação do último jogo da temporada regular para garantir o retorno à pós-temporada - algo que não conseguiam desde os tempos áureos de Kevin Garnett.

Claro que Karl-Anthony Towns também foi fundamental para a campanha (21.3 pontos, 12.3 rebotes e 1.4 tocos por jogo), assim como Andrew Wiggins (17.7 pontos), Jeff Teague (14.2 pontos e 7 rebotes) e o "carregador de piano" Taj Gibson (12.2 pontos e 7.1 rebotes).

Mas sem Butler, dificilmente o jejum do time teria sido encerrado.

Em razão do cenário e de tudo que fez na temporada, Houston chega como favorito, mas os Timberwolves podem "aprontar" e conseguir alguma vitória na série.

Calendário:

Jogo 1: Dom. 15/04 - Toyota Center - Houston, Texas, 22h
Jogo 2: Qua. 18/04 - Toyota Center - Houston, Texas, 22h30
Jogo 3: Sáb. 21/04 - Target Center - Minneapolis, Minnesota, 20h30
Jogo 4: Seg. 23/04 - Target Center - Minneapolis, Minnesota, 21h
*Jogo 5: Qua. 25/04 - Toyota Center - Houston, Texas, a definir
*Jogo 6: Sex. 27/04 - Target Center - Minneapolis, Minnesota, a definir
*Jogo 7: Dom. 29/04 - Toyota Center - Houston, Texas, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Rockets em 5 jogos
  • Guilherme Scardini - Rockets em 4 jogos
  • José Alberto Jr - Rockets em 4 jogos
  • Matheus Monteiro - Rockets em 4 jogos
  • Raphael Fernandes - Rockets em 5 jogos 
  • Thiago Henrique - Rockets em 4 jogos
  • William Barbosa - Rockets em 5 jogos

Golden State Warriors (2º - 58-24) x San Antonio Spurs (7º - 47-35)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Brasileiro Tiago SPlitter disptuta rebote com Calr Landry nos playoffs de 2013 (Foto: Ronald Martinez-Getty Images)

Confrontos na temporada 2017-2018: 3 x 1 (Warriors)

Confrontos em playoffs: 3 

  • Vitória dos Warriors por 3 x 1 na 1ª rodada de 1991
  • Vitória dos Spurs por 4 x 2 nas semifinais do Oeste em 2013
  • Vitória dos Warriors por 4 x 0 nas Finais do Oeste em 2017

Principal jogador dos Warriors: Kevin Durant - 26.4 pontos, 5.4 assistências, 6.8 rebotes, 1.8 tocos, 51.6% nos arremessos, 41.9% nas bolas de 3 e 88.9% nos lances livres.

Principal jogador dos Spurs: LaMarcus Aldridge - 23.1 pontos, 2 assistências, 8.5 rebotes, 1.2 tocos, 51% nos arremessos e 83.7% nos lances livres.

Prévia: 

Apesar da 3ª melhor campanha da liga, os Warriors chegam aos playoffs em meio a uma "crise". Afinal, é a 1ª vez desde 2014 que os comandados do técnico Steve Kerr não chegaram a 65 vitórias na temporada - essa é a pior campanha da carreira do técnico. Além disso, desde 09 de março foram 10 derrotas e apenas 7 vitórias para os tricampeões do Oeste.

E se não bastasse isso, os atuais campeões tiveram que lidar nas últimas semanas com lesões de Durant, Draymond GreenKlay Thompson. E, segundo o próprio Kerr, não terão Stephen Curry durante toda a 1ª rodada. Ou seja, os principais jogadores do time chegam aos playoffs longe de sua forma física ideal.

Pela frente os Warriors encaram logo o San Antonio Spurs, reeditando na 1ª rodada a Final do Oeste de 2017.

O time texano também teve altos e baixos na temporada e chegou a ficar fora da zona de classificação nas últimas semanas. Porém, apesar de ter interrompida sua sequência de 18 temporadas com pelo menos 50 vitórias, os Spurs conseguiram sua 21ª classificação consecutiva aos playoffs.

Kawhi Leonard segue sem previsão de retorno na maior "novela" dessa temporada e pode ser o grande diferencial a favor de San Antonio - teve 16.2 pontos de média em apenas 23.2 minutos nos 9 jogos disputados. Caso não retorne, os Spurs vão continuar dependendo de LaMarcus Aldridge que teve em 2017-18 sua 3ª maior marca de pontos na carreira (23.1 ppj) em sua melhor temporada desde que deixou Portland.

Rudy Gay também voltou de lesão nas últimas semanas e pode ser muito efetivo vindo do banco, assim como os experientes Manu Ginobili e Tony Parker, que sempre crescem na hora do mata-mata.

Dificilmente teremos a repetição da varrida de 2017 e nunca podemos duvidar de Gregg Popovich e seus comandados, mas o time de Oakland é o favorito no confronto.

A não ser Kawhi retorne - e retorne voando...

Calendário:

Jogo 1: Sáb. 14/04 - Oracle Arena -  Oakland, Califórnia, 16h
Jogo 2: Seg. 16/04 - Oracle Arena - Oakland, Califórnia, 23h30
Jogo 3: Qui. 19/04 - AT&T Center - San Antonio, Texas, 22h30
Jogo 4: Dom. 22/04 - AT&T Center - San Antonio, Texas, 16h30
*Jogo 5: Ter. 24/04 - Oracle Arena - Oakland, Califórnia, a definir
*Jogo 6: Qui. 26/04 - AT&T Center - San Antonio, Texas, a definir
*Jogo 7: Sáb. 28/04 - Oracle Arena - Oakland, Califórnia, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Warriors em 6 jogos
  • Guilherme Scardini - Warriors em 5 jogos
  • José Alberto Jr - Warriors em 5 jogos
  • Matheus Monteiro - Warriors em 6 jogos
  • Raphael Fernandes - Warriors em 6 jogos
  • Thiago Henrique - Warriors em 6 jogos
  • William Barbosa - Warriors em 4 jogos

Portland Trail Blazers (3º - 49-33) x New Orleans Pelicans (6º - 48-34)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Os Blazers de Lillard e os Pelicans de Davis nunca se enfrentaram em pós-temporada (Foto: CBS Sports)

Confrontos na temporada 2017-2018: 2 x 2

Confrontos em playoffs: 0 

Principal jogador dos Blazers: Damian Lillard - 26.9 pontos, 6.6 assistências, 4.5 rebotes, 1.1 roubos, 43.9% nos arremessos, 36.1% nas bolas de 3 e 91.6% nos lances livres

Principal jogador dos Spurs: Anthony Davis - 28.1 pontos, 11.1 rebotes, 1.5 roubos, 2.6 tocos, 53.4% nos arremessos, 34% nas bolas de 3 e 82.8% nos lances livres

Prévia: 

Os Blazers foram uma das surpresas positivas da temporada e chegam à sua 5ª participação consecutiva nos playoffs, tendo conseguido sua melhor posição desde a temporada 1999-2000 (quando caíram nas finais de conferência) - a 3ª posição foi garantida na última rodada com a vitória sobre o Jazz.

E o grande nome para isso é Damian Lillard!

O 3 vezes All Star brilhou nessa temporada, ao ponto de ser incluído entre os possíveis candidatos ao prêmio de MVP. É o 4º cestinha do campeonato com 26.9 pontos por jogo e forma com CJ McCollum a 2ª dupla com maior pontuação combinada da liga (48.3 pontos por jogo, atrás apenas dos 52.8 pontos por jogo de Stephen Curry e Durant).

Além da dupla de armadores, a força do time do técnico Terry Stotts vem do trabalho coletivo. E um nome que pode ter papel fundamental na série é o pivô Jusuf Nurkic (14.3 pontos, 9 rebotes e 1.4 tocos por jogo), principalmente na marcação de Anthony Davis.

O time de Portland terá pela frente outra equipe "surpreendente" na temporada. Afinal, após a lesão de DeMarcus Cousins muitos deram o time dos Pelicans como "acabado" em 2017-18.

Muitos, mas não Davis. E desde a lesão do pivô, o time de Nova Orleans tem uma campanha de 21 vitórias e 13 derrotas, com o camisa 23 sendo totalmente dominante (25.7 pontos, 11.9 rebotes, 2 roubos de bola e 3.15 tocos) - o ala pivô foi eleito o melhor jogador da conferência leste nos meses de fevereiro e março.

Além de Davis, destaque também para os 19 pontos e 6 assistências em média de Jrue Holiday, os 14.6 pontos e 8.2 rebotes de Nikola Mirotic e os 8.3 pontos e 8.2 assistências por jogo para o experiente Rajon Rondo.

É uma série totalmente aberta, onde os favoritos são os Blazers, mas onde ninguém se surpreenderia com a classificação dos Pelicans.  

Calendário:

Jogo 1: Sáb. 14/04 - Moda Center - Portland, Oregon, 23h30
Jogo 2: Ter. 17/04 - Moda Center - Portland, Oregon, 23h30
Jogo 3: Qui. 19/04 - Smoothie King Center - New Orleans, Louisiana, 22h
Jogo 4: Sáb. 21/04 - Smoothie King Center - New Orleans, Louisiana, 18h
*Jogo 5: Ter. 24/04 - Moda Center - Portland, Oregon, a definir
*Jogo 6: Qui. 26/04 - Smoothie King Center - New Orleans, Louisiana, a definir
*Jogo 7: Sáb. 28/04 - Moda Center - Portland, Oregon, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Blazers em 6 jogos
  • Guilherme Scardini - Pelicans em 7 jogos
  • José Alberto Jr - Blazers em 7 jogos
  • Matheus Monteiro - Pelicans em 7 jogos
  • Raphael Fernandes - Blazers em 6 jogos 
  • Thiago Henrique - Blazers em 7 jogos
  • William Barbosa - Pelicans em 6 jogos

Oklahoma City Thunder (4º - 48-34) x Utah Jazz (5º - 48-34)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Gary Payton e John Stockton, 2 lendas da NBA, se enfrentam nos playoffs de 1996 (Foto: Inside Hoops)

Confrontos na temporada 2017-2018: 3 x 1 (Thunder)

Confrontos em playoffs: 4

  • Vitória do Jazz por 4 x 1 nas semifinais do Oeste em 1992
  • Vitória do Seattle Supersonics por 3 x 2 na 1ª rodada em 1993
  • Vitória do Seattle Supersonics por 4 x 3 nas Finais do Oeste em 1996
  • Vitória do Jazz por 3 x 2 na 1ª rodada em 2000

Principal jogador do Thunder: Russell Westbrook - 25.4 pontos, 10.3 assistências, 10.1 rebotes, 1.8 roubos, 44.9% nos arremessos, 29.8% nas bolas de 3 e 73.7% nos lances livres

Principal jogador do Jazz: Donovan Mitchell - 20.5 pontos, 3.7 assistências, 3.7 rebotes, 1.5 roubos, 43.7% nos arremessos, 34% nas bolas de 3 e 80.5% nos lances livres

Prévia: 

A 4ª posição na tabela de classificação - conquistada apenas na última rodada - não retrata o que foi a temporada do Thunder. Afinal, após o GM Sam Presti conseguir contratar Paul GeorgeCarmelo Anthony e renovar com Russell Westbrook, a expectativa era de que o time pudesse brigar de frente com os Warriors.

Mas o que se viu foi um time inconsistente e baseado na individualidade. E foi justamente essa individualidade que o levou até aqui, pois Westbrook, uma máquina de triplos duplos e o atual MVP da liga, fez história novamente ao se tornar o 1º jogador com 2 temporadas com média de TD (25.4 pontos, 10.1 rebotes e 10.3 assistências por jogo).

George, por sua vez, acabou com média de 21.9 ppj, enquanto Anthony teve 16.2. Já Steven Adams segue evoluindo, tendo terminado com 13.9 pontos e 9 rebotes por partida. O time sentiu muita falta de Andre Roberson, mas a chegada do experiente Corey Brewer ajudou OKC a tentar retomar o equilíbrio defensivo.

Em contraposição à "decepção" do Thunder, o Utah Jazz foi uma grata surpresa nesta temporada e mesmo após a saída de Gordon Hayward se manteve entre os 8 melhores do oeste quando poucos acreditavam. E o grande destaque do time foi o calouro Donovan Mitchell.

Escolhido apenas na 13ª posição do draft, o candidato ao prêmio de Calouro do Ano se tornou o 1º novato desde Carmelo Anthony a ser o cestinha de um time classificado para os playoffs e ainda quebrou o recorde de bolas de 3 de um novato que era de Damian Lillard.

Além do camisa 45, outros 5 jogadores do time tiveram dígitos duplos em pontuação na temporada: Rudy Gobert (13.5 pontos, 10.7 rebotes e 2.3 tocos por jogo), Ricky Rubio (13.1 pontos, 4.4 rebotes, 5.3 assistências e 1.57 roubos por jogo), Derrick Favors (12.3), Jae Carwder (11.8) e Joe Ingles (11.5 pontos por jogo).

Curiosamente é a 1ª vez que Rubio vai para a pós-temporada, após 6 temporadas defendendo os Wolves. E isso acontece justamente no ano que o time de Minnesota volta aos playoffs.

É mais uma série que promete ser equilibrada, mas onde o talento dos craques do Thunder - em especial Westbrook - pode desequilibrar a favor do time de Oklahoma.

Calendário:

Jogo 1: Dom. 15/04 - Chesapeake Energy Arena - Oklahoma City, Oklahoma, 19h30
Jogo 2: Qua. 18/04 - Chesapeake Energy Arena - Oklahoma City, Oklahoma, 21h
Jogo 3: Sáb. 21/04 - Vivint Smart Home Arena - Salt Lake City, Utah, 23h
Jogo 4: Seg. 23/04 - Vivint Smart Home Arena - Salt Lake City, Utah, 23h30
*Jogo 5: Qua. 25/04 - Chesapeake Energy Arena - Oklahoma City, Oklahoma, a definir
*Jogo 6: Sex. 27/04 - Vivint Smart Home Arena - Salt Lake City, Utah, a definir
*Jogo 7: Dom. 29/04 - Chesapeake Energy Arena - Oklahoma City, Oklahoma, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Thunder em 7 jogos
  • Guilherme Scardini - Thunder em 6 jogos
  • José Alberto Jr - Thunder em 4 jogos
  • Matheus Monteiro - Thunder em 6 jogos
  • Raphael Fernandes - Thunder em 7 jogos 
  • Thiago Henrique - Jazz em 7 jogos
  • William Barbosa - Thunder em 7 jogos

Conferência Leste

Toronto Raptors (1º - 59-23) x Washington Wizards (8º - 43-39)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Paul Pierce foi decisivo na série entre Raptors e Wizards nos playoffs de 2015 (Foto: Geoff Burke-USA TODAY Sports)

Confrontos na temporada 2017-2018: 2 x 2

Confrontos em playoffs: 1

  • Vitória dos Wizards por 4 x 0 na 1ª rodada de 2015

Principal jogador dos Raptors: DeMar DeRozan - 23 pontos, 5.2 assistências, 3.9 rebotes, 1.1 roubos, 45.6% nos arremessos, 31% nas bolas de 3 e 82.5% nos lances livres

Principal jogador dos Wizards: John Wall - 19.4 pontos, 9.6 assistências, 3.7 rebotes, 1.3 roubos, 1.1 tocos, 42% nos arremessos, 37.1% nas bolas de 3 e 73% nos lances livres

Prévia: 

Os Raptors surpreenderam muita gente com a 1ª posição da conferência e o recorde de vitórias da história da franquia. Não apenas por terem ficado à frente de Cavs e Celtics - apontados como favoritos antes do início da temporada -, mas por ter conseguido evoluir mesmo sem grandes contratações. E o mérito disso é do técnico Dwane Casey, que conseguiu instituir um jogo muito mais coletivo e implementar uma rotação bastante extensa em seu banco. Por isso está cotado ao prêmio de técnico do ano.

Além de Casey, cabe destacar também a mudança individual de DeMar DeRozan. Afinal, o camisa 10 diminuiu sua pontuação (27.3 em 2016-17 para 23 agora), mas alcançou seu recorde de assistências na carreira (5.2), além de ter expandido o alcance de seus arremessos (passou a tentar 3.6 bolas de 3, contra 1.7 na temporada passada). E isso o tornou mais perigoso, em razão das múltiplas possibilidades ofensivas que passou a ter. 

Kyle Lowry (16.2 pontos e 6.9 assistências), Jonas Valanciunas (12.7 pontos e 8.8 rebotes) e Serge Ibaka (12.6 pontos e 6.3 rebotes por jogo) também seguem como peças chaves do time canadense, assim como os jovens Fred VanVleet, Delon Wright, Paskal Siakam e OG Anunoby, que compõe o melhor banco da NBA na atualidade.

Já os Wizards podem ser considerados como uma das equipes que deixou a desejar em 2017-18. Após a 4ª colocação em 2016-17 se esperava uma evolução do time e não a queda para o 8º lugar. Os 52.4% de aproveitamento foram a 2ª pior marca do time da capital desde 2013, ficando atrás apenas de 2015-16, quando ficaram fora dos playoffs.

Tudo bem que o time sofreu com a ausência de John Wall por metade dos jogos da temporada, mas apesar de Bradley Beal ter mostrado evolução (recordes na carreira em assistências, rebotes e roubos de bola), era esperada uma maior contribuição do elenco de apoio: Otto Porter, Kelly Oubre Jr, Markieff Morris e Marcin Gortat.

Uma curiosidade... A série entre os times na temporada ficou empatada em 2 x 2, mas em nenhum dos 4 jogos os Wizards tiveram Wall em quadra.

Apesar de todas as dúvidas que Toronto traz por sua inconstância nas últimas edições - principalmente se perderem de novo o jogo 1 -, o time do Canadá deve passar à próxima fase.

Calendário:

Jogo 1: Sáb. 14/04 - Air Canada Centre - Toronto, Ontário, 18h30
Jogo 2: Ter. 17/04 - Air Canada Centre - Toronto, Ontário, 20h
Jogo 3: Sex. 20/04 - Capital One Arena - Washington, D.C., 21h
Jogo 4: Dom. 22/04 - Capital One Arena - Washington, D.C., 19h
*Jogo 5: Qua. 25/04 - Air Canada Centre - Toronto, Ontário, a definir
*Jogo 6: Sex. 27/04 - Capital One Arena - Washington, D.C., a definir
*Jogo 7: Dom. 29/04 - Air Canada Centre - Toronto, Ontário, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Raptors em 6 jogos
  • Guilherme Scardini - Raptors em 4 jogos
  • José Alberto Jr - Raptors em 7 jogos
  • Matheus Monteiro - Raptors em 5 jogos
  • Raphael Fernandes - Raptors em 6 jogos
  • Thiago Henrique - Raptors em 7 jogos
  • William Barbosa - Raptors em 7 jogos

Boston Celtics (2º - 55-27) x Milwaukee Bucks (7º - 44-38)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Kareem Abdul-Jabbar, que ainda se chamava Lew Alcindor, encara a defesa dos Celtics nas Finais de 1974 (Foto: Hoops Vibe)

Confrontos na temporada 2017-2018: 2 x 2

Confrontos em playoffs: 5 

  • Vitória dos Celtics por 4 x 3 nas Finais em 1974
  • Vitória dos Bucks por 4 x 0 nas semifinais do Leste em 1983
  • Vitória dos Celtics por 4 x 1 nas Finais do Leste em 1984
  • Vitória dos Celtics por 4 x 0 nas Finais do Leste em 1986
  • Vitória dos Celtics por 4 x 3 nas semifinais do Leste em 1987

Principal jogador dos Celtics: Al Horford - 12.9 pontos, 4.7 assistências, 7.4 rebotes, 1 toco, 48.9% nos arremessos, 42.9% nas bolas de 3 e 78% nos lances livres

Principal jogador dos Bucks: Giannis Antetokounmpo - 26.9 pontos, 4.8 assistências, 10 rebotes, 1.5 roubos, 1.4 tocos, 52.9% nos arremessos, 30.7% nas bolas de 3 e 76% nos lances livres

Prévia: 

Se tem um time que pode dizer que "já saiu no lucro" nessa temporada, ele é o Boston Celtics.

Afinal, o time perdeu Gordon Hayward nos primeiros minutos do primeiro jogo da temporada, sofreu com lesões de todos os seus principais jogadores durante todo o campeonato e ainda assim conseguiu a 2ª posição do Leste.

E se não fosse só isso, ainda não terão seu principal jogador na pós-temporada, pois Kyrie Irving, depois de uma nova cirurgia no joelho, só voltará as quadras já próximo ao início da temporada 2018-19. Além disso, Marcus Smart só deve estar disponível na 2ª rodada, caso eles se classifiquem.

Ou seja, esses playoffs servirão muito mais para dar experiência aos jovens jogadores do elenco como Jaylen BrownJayson Tatum e Terry Rozer do que para sonhar com algo a mais - mas não vacilem com os comandados de Brad Stevens.

Já os Bucks chegam aos playoffs pela 4ª vez nos últimos 6 anos, tentando passar da 1ª fase pela 1ª vez desde 2001. Para isso contam com a "aberração grega" Giannis Antetokounmpo que pela 5ª vez em 5 anos de carreira evoluiu em pontos, rebotes e % de arremessos.

O grego acabou a temporada empatado com Damian Lillard como 4º cestinha do campeonato e conduziu seu time à pós-temporada, mesmo com toda a turbulência encontrada no caminho - incluída aí a demissão do técnico Jason Kidd no meio do campeonato.

Além de Giannis, cabe destacar também as boas temporadas de Khris Middleton (20.1 pontos por jogo e cotado até para o All Star Game), Eric Bledsoe (17.8 pontos e 5.1 assistências por jogo), do Calouro do Ano em 2017 Malcolm Brogdon (13 pontos por jogo, mas que voltou de lesão a 2 jogos do início dos playoffs) e Jabari Parker (12.6 pontos, mas limitado a 24 minutos por jogo nos 31 jogos que disputou após voltar de lesão).

Um detalhe... A derrota para os Sixers na última rodada evitou que o time ficasse em 6º e encarasse os Cavs na 1ª rodada - e  isso fez com que o time de Cleveland caísse para a 4ª posição.

Talento bruto existe em Milwaukee, resta saber como eles se comportarão diante de um time tão bem organizado e treinado como o dos Celtics, que deve ter "comemorado" esse cruzamento. Boston deve passar, mas não com facilidade.

Calendário:

Jogo 1: Dom. 15/04 - TD Garden - ‎Boston, Massachusetts, 14h
Jogo 2: Ter. 17/04 - TD Garden - ‎Boston, Massachusetts, 21h
Jogo 3: Sex. 20/04 - Wisconsin Entertainment and Sports Center - Milwaukee, Wisconsin, 22h30
Jogo 4: Dom. 22/04 - Wisconsin Entertainment and Sports Center - Milwaukee, Wisconsin, 14h
*Jogo 5: Ter. 24/04 - TD Garden - ‎Boston, Massachusetts, a definir
*Jogo 6: Qui. 26/04 - CWisconsin Entertainment and Sports Center - Milwaukee, Wisconsin, a definir
*Jogo 7: Sáb. 28/04 - TD Garden - ‎Boston, Massachusetts, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Celtics em 7 jogos
  • Guilherme Scardini - Celtics em 6 jogos
  • José Alberto Jr - Celtics em 6 jogos
  • Matheus Monteiro - Celtics em 6 jogos
  • Raphael Fernandes - Celtics em 6 jogos
  • Thiago Henrique - Celtics em 6 jogos
  • William Barbosa - Celtics em 6 jogos

Philadelphia 76ers (3º - 52-30) x Miami Heat (6º - 44-38)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Dwyane Wade liderou o Heat contra os Sixers rumo às Finais de 2011 (Foto: si.com)

Confrontos na temporada 2017-2018: 2 x 2

Confrontos em playoffs: 1

  • Vitória do Heat por 4 x 1 na 1ª rodada em 2011

Principal jogador dos Sixers: Ben Simmons - 15.8 pontos, 8.2 assistências, 8.1 rebotes, 1.7 roubos, 54.5% nos arremessos e 56% nos lances livres

Principal jogador dos Heat: Goran Dragic - 17.3 pontos, 4.8 assistências, 4.1 rebotes, 45% nos arremessos, 37% nas bolas de 3 e 80.1% nos lances livres

Prévia: 

Os Sixers é o time do momento na NBA!

Comandados pelo carismático Joel Embiid e pelo calouro sensação Ben Simmons, os jovens talentos de Philadelphia foram aos poucos subindo na tabela e mostrando que a fase de derrotas decorrente do "Processo" foi deixada para trás.

E se alguém duvidava que a hora de vencer já havia chegado na "cidade do amor fraternal", foi deixada para trás após a vitória sobre os Cavs nas rodadas finais, que colocou o time na 3ª posição do Leste. Além disso, as 16 vitórias seguidas no final da temporada representam não apenas um recorde para a franquia - superando a marca do time campeão em 1983 - como configura um feito inédito, pois nenhum time na história havia terminado uma temporada vencendo 16 vezes consecutivas.

E se Embiid - que está fora do jogo 1 - e Ben Simmons - que teve 6 triplos-duplos entre os meses de março e abril - são os principais nomes em Philadelphia, não dá pra ignorar a contribuição e o talento de nomes como Dario Saric, Robert ConvingtonMarkelle Fultz (que se tornou o jogador mais jovem a conseguir um triplo duplo na história da NBA) e os veteranos JJ Redick, Marco Belinelli e Ersan Ilyasova - esses 2 últimos ótimas contratações realizadas após serem dispensados pelos Hawks.

Segundo Paul Pierce é um time que pode vencer qualquer adversário no Leste e não podemos duvidar disso.

Já o time da Flórida chega à pós-temporada após ter batido na trave em 2016-17. É um time que preza pelo jogo coletivo e que tem no esquema montado pelo técnico Eric Spoelstra sua grande arma.

Tem nada menos que 8 jogadores com média superior a 10 pontos por jogo (além do All Star Dragic, Hassan Whiteside, Josh Richardson, Wade, Tyler Johnson, Kelly Olynyk, Wayne Ellington e James Johnson) e 9 que jogam mais de 24 minutos por partida - o jovem Bam Adebayo é o décimo com 19.8 minutos por jogo.

Para os playoffs contam a arma Dwyane Wade, que nunca pode ser desprezada em jogos decisivos, apesar da "má fase" vivida em Cleveland antes de "voltar para casa".

O Heat não deve "vender" a série fácil, mas os 76ers devem conseguir a vaga para a semifinal de Conferência.

Calendário:

Jogo 1: Sáb. 14/04 - Wells Fargo Center - Filadélfia, Pensilvânia, 21h
Jogo 2: Seg. 16/04 - Wells Fargo Center - Filadélfia, Pensilvânia, 21h
Jogo 3: Qui. 19/04 - American Airlines Arena - Miami, Flórida, 20h
Jogo 4: Sáb. 21/04 - American Airlines Arena - Miami, Flórida, 15h30
*Jogo 5: Ter. 24/04 - Wells Fargo Center - Filadélfia, Pensilvânia, a definir
*Jogo 6: Qui. 26/04 - American Airlines Arena - Miami, Flórida, a definir
*Jogo 7: Sáb. 28/04 - Wells Fargo Center - Filadélfia, Pensilvânia, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Sixers em 6 jogos
  • Guilherme Scardini - Sixers em 4 jogos
  • José Alberto Jr - Sixers em 5 jogos
  • Matheus Monteiro - Sixers em 5 jogos
  • Raphael Fernandes - Sixers em 7 jogos
  • Thiago Henrique - Sixers em 5 jogos
  • William Barbosa - Sixers em 5 jogos

Cleveland Cavaliers (4º - 50-32) x Indiana Pacers (5º - 48-34)

Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs da NBA em 2018
Paul George abraça LeBron James depois de mais uma eliminação diante do rival na temporada passada (Foto: cleveland.com)

Confrontos na temporada 2017-2018: 3 x 1 (Indiana)

Confrontos em playoffs: 2

  • Vitória dos Pacers por 3 x 1 na 1ª rodada em 1998
  • Vitória dos Cavs por 4 x 0 na 1ª rodada em 2017

Principal jogador do Cavs: LeBron James - 27.5 pontos, 9.1 assistências, 8.6 rebotes, 1.4 roubos, 54.2% nos arremessos, 36.7% nas bolas de 3 e 73.1% nos lances livres

Principal jogador do Pacers: Victor Oladipo - 23.1 pontos, 4.3 assistências, 5.2 rebotes, 2.4 roubos, 47.7% nos arremessos, 37.1% nas bolas de 3 e 79.9% nos lances livres

Prévia: 

A temporada do Cleveland Cavaliers foi repleta de turbulência e o time se reconstruiu na "trade deadline" trocando quase metade do elenco. Porém, um fator fez com que o time nunca entrasse realmente em uma "crise", a presença de LeBron James.

O craque, que pela 1ª na sua carreira jogou os 82 jogos da temporada, teve médias superiores às médias de sua carreira em pontos, rebotes, assistências, tocos, % de arremessos e % de bolas de 3, além de ter alcançado seu recorde na carreira em rebotes (709), assistências (747) e bolas de 3 convertidas (149) e ter liderado a liga em minutos jogados (3026).

Isso tudo aos 33 anos e em sua 15ª temporada na NBA!

Além de "King" James, os Cavs seguem contando com Kevin Love (17.6 pontos e 9.3 rebotes) e com um elenco de apoio montado para tentar levar LeBron à sua 8ª Final de NBA consecutiva.

Já os Pacers chegam aos playoffs como outra equipe que surpreendeu. Afinal, após a saída de Paul George muita gente dava como certa uma temporada de "rebuild". Só que o time se encontrou em quadra e comandado por Victor Oladipo garantiu a 5ª campanha do Leste.

Oladipo teve sua melhor temporada na carreira e é o favorito ao prêmio de Jogador que Mais Evoluiu. O camisa 4 teve seus recordes na carreira em pontos, rebotes, assistências, roubos de bola - líder da NBA no quesito -, % de arremessos e % de bolas de 3, tendo chegado pela 1ª vez ao All Star Game.

Além de Oladipo, mais 4 jogadores tiveram dígitos duplos em pontuação: Bojan Bogdanovic (14.3), Myles Turner (12.7), Darren Collison (12.4), Thaddeus Young (11.8) e Domantas Sabonis (11.6) - e destes apenas Turner e Young não chegaram esse ano a Indiana.

Ou seja, o técnico Nate McMillan conseguiu montar um time competitivo e que venceu 3 de 4 confrontos contra os Cavaliers na temporada regular.

Só que agora são os playoffs...

E pela frente eles terão um LeBron James querendo mostrar que ainda é o "dono" do Leste na NBA.

Alguém dúvida disso? 

Calendário:

Jogo 1: Dom. 15/04 - Quicken Loans Arena - Cleveland, Ohio, 16h30
Jogo 2: Qua. 18/04 - Quicken Loans Arena - Cleveland, Ohio, 20h
Jogo 3: Sex. 20/04 - Bankers Life Fieldhouse - Indianápolis, Indiana, 20h
Jogo 4: Dom. 22/04 - Bankers Life Fieldhouse - Indianápolis, Indiana, 21h30
*Jogo 5: Qua. 25/04 - Quicken Loans Arena - Cleveland, Ohio, a definir
*Jogo 6: Sex. 27/04 - Bankers Life Fieldhouse - Indianápolis, Indiana, a definir
*Jogo 7: Dom. 29/04 - Quicken Loans Arena - Cleveland, Ohio, a definir

* se necessário

Palpites Sobe a Bola:

  • André C. Rocha - Cavaliers em 6 jogos
  • Guilherme Scardini - Cavaliers em 4 jogos
  • José Alberto Jr - Cavaliers em 4 jogos
  • Matheus Monteiro - Cavaliers em 4 jogos
  • Raphael Fernandes - Cavaliers em 5 jogos
  • Thiago Henrique - Cavaliers em 4 jogos
  • William Barbosa - Cavaliers em 6 jogos

Que suba logo a bola!

#ILoveThisGame

Veja Também:

Artigos Relacionados

Sobre o Autor:

André C. Rocha

André C. Rocha

Apaixonado pela NBA desde que viu o Dream Team em 92, torcedor do Bulls e defensor da tese de que "73 não vale nada sem um título". Autor dos perfis Entrequatrolinhas no FB (facebook.com/entrequatrolinhas) e TWT (twitter.com/andre_c_rocha).

Comentários

Olá, deixe seu comentário para Prévias, Calendário e Palpites do Sobe a Bola para a 1ª rodada dos playoffs 2018 da NBA

Enviando Comentário Fechar :/

©2015 - 2018 Sobe a Bola - Todos os direitos reservados.