- atualizado em

Prévia da temporada 2018-19 - Los Angeles Clippers

Com a saída de DeAndre Jordan, Los Angeles Clippers entra definitivamente em uma nova Era da franquia, curiosamente liderado pelo reserva Lou Williams

Sobe a Bola vai publicar Prévias de todas as franquias da NBA para a temporada 2018-19.

Todos os dias, de segunda à sexta-feira apresentaremos uma equipe, alternando entre a Conferência Leste e a Oeste.

A ordem das postagens será baseada na classificação das equipes na temporada 2017-18.

Seguem as análises já publicadas: SunsHawksGrizzliesMagic, Mavs, 

Bulls, Kings, NetsLakers e Knicks.

aqui você pode conferir também nossos podcasts com os "previews".

Agora é hora de falar do Los Angeles Clippers!

Campanha na temporada 2017-18: 42 vitórias e 40 derrotas (10º no Oeste e 18º na liga)

Chegadas: Marcin Gortat (C - WAS), Luc Mbah a Moute (SF – HOU), Mike Scott (PF – WAS), Shai Gilgeous-Alexander (PG, draft, 11ª posição) e Jerome Robinson (SG, draft, 13ª posição)

Saídas: DeAndre Jordan (C – DAL), Austin Rivers (PG - WAS) e Sam Dekker (SF – CLE)

Renovaram: Avery Bradley (SG), Montrezl Harrell (PF), Milos Teodosic (PG), Wesley Johnson (SF) e Tyrone Wallace (SG)

Agentes Livres (ainda no mercado): nenhum

Previsão de vitórias segundo a ESPN (USA): 35,5 (11º do Oeste)

Previsão de vitórias segundo Las Vegas: 35,5 (11º do Oeste)

Líderes 2017-18:

o   Pontos: Lou Williams (22.6)

o   Assistências: Lou Williams (5.3)

o   Rebotes: DeAndre Jordan (15.2)

o   Roubos: Tobias Harris (1.2)

o   Tocos: DeAndre Jordan (1.9)

Elenco atual:

Los Angeles Clippers

PG

Patrick Beverly

Milos Teodosic

Shai Gilgeous-Alexander

 

SG

Avery Bradley

Lou Williams

Jerome Robinson

SF

Danilo Gallinari

Luc Mbah a Moute

Tyrone Wallace

 

PF

Tobias Harris

Mike Scott

Wesley Johnson

 

C

Marcin Gortat

Montrezl Harrell

Boban Marjanovic

 

Possíveis membros do Hall da Fama: nenhum

Possíveis All Stars em 2019: nenhum

Possíveis vencedores de prêmios em 2019: Lou Williams (6th Man)

Análise:

A temporada passada foi uma temporada de reconstrução no Clippers. Mas não foi uma reconstrução via draft, mas via trocas.

Afinal, ela começou com a chegada de um “pacote” de jogadores recebidos na troca que levou Chris Paul para Houston – Paul poderia ter simplesmente assinado com o time texano, mas renovou e foi trocado, o que garantiu que viesse algo em troca – e continuou com a troca de Blake Griffin – que havia renovado por uma bolada no ano passado.

E o ponto final da Era “Lob City” aconteceu agora com a saída de DeAndre Jordan.

No banco Doc Rivers segue no comando do time, mas o único jogador do elenco que estava por lá em 2016 é Wesley Johnson, além de Luc Mbah a Moute que retorna. Até mesmo Austin Rivers, filho do técnico, acabou sendo trocado.

Beverley volta de lesão nessa temporada (Foto: Getty Images-Sporting News)
Patrick "Zé Pequeno" Beverley volta de lesão nessa temporada (Foto: Getty Images-Sporting News)

Ou seja, se no outro time de Los Angeles começa a Era LeBron James, os Clippers também iniciam uma nova era. Só que lá não há nenhuma grande referência, mas bons jogadores como Patrick Beverley (que volta de lesão), Avery Bradley, Danilo Galinari, Tobias Harris e o 6º Homem (e quase All Star em 2018) Lou Williams.

Lou foi o cestinha e líder em assistências no time na última temporada e após o Jogo das Estrelas reclamou publicamente por Jimmy Butler ter ido ao evento e sequer ter entrado em quadra - quando ele estava louco por uma "vaguinha" na festa.

Confira seus melhores momento na temporada passada:

Além da volta de Mbah a Moute, chegaram Marcin Gortat (para substituir DJ) e Mike Scott.

Via draft chegaram 2 jovens promissores, Shai Gilgeous-Alexander e Jerome Robinson, mas que não devem trazer grande impacto no time.

Alexander vai ter que mostrar serviço para conseguir minutos na lotada rotação de perímetro dos Clippers (Foto: NBA.com)
Alexander vai ter que mostrar serviço para conseguir minutos na lotada rotação de perímetro dos Clippers (Foto: NBA.com)

Sem nenhuma outras perda considerável, resta saber até onde esse elenco, que ficou em 10º lugar no último campeonato e sonhou com os playoffs até as rodadas finais da temporada regular, pode chegar com esse elenco repleto de “role players”, mas sem nenhum grande astro.

Do ano passado fica a boa experiência de Rivers conseguir extrair o melhor de jogadores muitas vezes desconhecidos, em razão dos problemas de lesão.

Vamos ver como ele se sairá com esses novos jogadores que tem em mãos, mas sonhar com playoffs na “Guerra do Oeste” parece ser um objetivo distante.

Palpites Sobe a Bola:

o   André C. Rocha - 13º do Oeste
o   Bruno Colmenero - 13º do Oeste
o   Guilherme Scardini - 11º do Oeste
o   José Alberto Jr - 13º do Oeste
o   Matheus Monteiro - 13º do Oeste 
o   Raphael Fernandes - 13º do Oeste 
o   Thiago Henrique - 13º do Oeste
o   Thiago Paixão – 13º do Oeste
o   William Barbosa -10º do Oeste

Veja Também:

Artigos Relacionados

Sobre o Autor:

André C. Rocha

André C. Rocha

Apaixonado pela NBA desde que viu o Dream Team em 92, torcedor do Bulls e defensor da tese de que "73 não vale nada sem um título". Autor dos perfis Entrequatrolinhas no FB (facebook.com/entrequatrolinhas) e TWT (twitter.com/andre_c_rocha).

Comentários

Olá, deixe seu comentário para Prévia da temporada 2018-19 - Los Angeles Clippers

Enviando Comentário Fechar :/

©2015 - 2018 Sobe a Bola - Todos os direitos reservados.