- atualizado em

Sim, os jogadores da NBA são mutantes!

A gente sabe que o que esses caras fazem não está no gibi. Só tem uma explicação: eles são mutantes!

Sim, os jogadores da NBA são mutantes!
O homem, a lenda, o mito! (foto: Marvel)

Jogar 48 minutos numa partida, fazer cesta do meio da quadra, bloquear aquela enterrada de um jogador maior e mais forte... Na moral, esses caras só podem ser mutantes!

A gente assiste várias ligas de basquete e logo percebe a diferença entre elas: a dinâmica de jogo de uma NBB ou de uma Eurobasket é totalmente distinta do que vemos na NBA mas, o que mais chama minha atenção, é o potencial atlético e a qualidade técnica dos jogadores da NBA.

Você pode começar falando que lá os caras incentivam o esporte desde cedo, que o perfil físico é outro, mas tudo isso é passível de questionamento. Mas dizer que os caras são mutantes, ah, isso não. É fato inconteste, é uma verdade do universo.

A escola do Professor Xavier também ensinava basquete!

Tem caras que correm a quadra inteira com a bola como um atleta olímpico corre 100m rasos. Outros, tem visão em 360º e fazem passes pra companheiros que estão em lugares onde nenhum ser humano normal conseguiria ter visto. E tem aqueles que dominam a bola com tanta precisão que não é razoável achar que é mera habilidade manual. Aquilo é telecinese.

Vimos jogadores com lesões absurdas, mas eles tem fator de cura e conseguem sarar muito antes do que qualquer outra pessoa conseguiria. Voam da linha do lance livre até a cesta, como se a gravidade simplesmente não existisse. E, como se tudo isso não bastasse, transformam 2 míseros segundos num tempo interminável, onde tanta coisa pode acontecer.

Não tem jeito. Os caras são mutantes mesmo. E pensar dessa forma torna o esporte que amamos ainda mais especial.

Mas tem um detalhe importante nisso tudo: por mais que a gente ame basquete, a gente não conseguiria jamais pensar nesse esporte como um universo mutante se não fosse por um grande gênio da humanidade que nos deixou hoje: Stan Lee

Olha o GOAT dos mutantes aí!

Ele criou coisas tão ou mais maravilhosas quanto uma cesta no estouro do cronômetro valendo um título. Pensou em personagens tão fantásticos quanto todos os atletas que nos fazem perder horas discutindo quem é o GOAT. Ou você também já não bateu boca com seus amigos dizendo que Wolverine é muito mais herói do que Ciclope? Que quem gosta do Homem de Ferro é nutella e quem gosta de Homem Aranha é raiz?

Como já falei aqui, a gente AMA basquete, mas não é alheio ao que acontece no mundo. E o mundo todo ficou mais triste e menos criativo com a partida desse gênio hoje.

Descanse em paz, Stan Lee. O basquete também é seu fã e tem débitos com você.

Excelsior!

Veja Também:

Artigos Relacionados

Sobre o Autor:

Marcone Marques

Marcone Marques

Bancário de profissão, psicólogo por vocação e fã de basquete por paixão. Casado e com dois filhos que adoram me provocar dizendo que gostam mais de futebol do que de basquete.

Comentários

Olá, deixe seu comentário para Sim, os jogadores da NBA são mutantes!

Enviando Comentário Fechar :/

©2015 - 2019 Sobe a Bola - Todos os direitos reservados.