- atualizado em

Stephen Curry retorna ao Golden State Warriors contra o Detroit Pistons

Técnico Steve Kerr diz que se fosse "jogo de playoff", Curry poderia jogar nessa quinta (29) contra os Raptors; Staff médico preferiu adiar o retorno

Stephen Curry retorna ao Golden State Warriors contra o Detroit Pistons
Curry não vai jogar contra os Raptors, mas joga no fim de semana contra os Pistons (Foto:SlamOnline)

Nada de "brinquedinho assassino" contra o Toronto Raptors nessa quinta-feira. A confirmação foi dada pelo técnico do Golden State Warriors, Steve Kerr, em entrevista à ESPN americana nessa quarta-feira (28). No entanto, uma boa notícia aos torcedores: Stephen Curry está confirmado para o jogo de sábado contra o Detroit Pistons, após se recuperar de uma distensão na virilha esquerda.

Curry sentiu um desconforto na derrota em casa para o Milwaukee Bucks no dia 8 de novembro e está fora de combate desde então. Mesmo tendo participado normalmente dos treinos nessa semana, Steve Kerr e o Diretor Esportivo de Medicina e Performance, Rick Celebrini decidiram aguardar mais 2 dias para confirmar o retorno do 2 vezes MVP da liga.

"Steph não vai jogar [quinta-feira]", disse Kerr depois do treino de ontem (quarta-feira). "Ele quer jogar e está preparado para jogar. Só estamos sendo conservadores. Rick teve um forte sentimento, baseado em sua experiência em lidar com esses casos, de que faria sentido termos uma cautela extra, e ele (Curry) vai esperar. Vai jogar em Detroit."

Curry passou boa parte do treino de ontem discutindo sua situação com Kerr e Celebrini. Ele esperava jogar hoje contra o Toronto Raptors, que lideram a conferência Leste, mas não conseguiu convencê-los a mudar de ideia.

Kerr ainda disse que se fosse um jogo de playoff, Curry definitivamente estaria em quadra nessa quinta-feira; mas como ainda é o mês de novembro, os Warriors vão esperar mais dois dias para ter seu armador titular de volta.

"Ele está louco pra jogar", disse Kerr. "Ele ama jogar em Toronto. Tem grandes recordações de lá enquanto [seu pai] Dell jogava nos Raptors. Ele quer muito jogar, mas nos confiamos muito no Rick. Ele é muito bom no seu trabalho e sabe o que está dizendo. Se ele diz que devemos esperar mais dois dias e sermos "extra-cautelosos", então é isso o que vamos fazer", conclui Kerr.

Ele está louco pra jogar. Ele ama jogar em Toronto. Tem grandes recordações de lá enquanto [seu pai] Dell jogava nos Raptors. - Steve Kerr, técnico dos Warriors

Curry admite estar desapontado, mas entende os motivos da decisão:

"Naturalmente temos pessoas inteligentes que estão cuidando de nós e tentando ter a certeza de que sejamos protegidos de nós mesmos em determinadas situações", disse Curry. "É claro que já fazem 3 semanas, então estou "coçando a mão" pra retornar logo. Estou ansioso porque isto está terminando. Eu amo vir a Toronto, então fico um pouco chateado."

Os preparativos para o retorno de Curry começaram nos últimos dias: o próprio jogador sentiu na segunda-feira que estava próximo de voltar às quadras e informou isso a Steve Kerr e Rick Celebrini.

"Quando sinto que estou preparado para jogar é quando as conversas [sobre o retorno] se iniciam", continuou Curry. "É só uma questão de avaliar e entender o processo para voltar 100%, e ter a certeza de que, ao colocar os pés na quadra, a única preocupação é jogar e não ficar nesse vai-e-vem entre os jogos".

Draymond Green segue fora

Enquanto Curry está próximo do retorno, Draymond Green segue fora por conta de uma lesão no dedo do pé. Ele está fora há mais de uma semana e Steve Kerr espera que ele perca também os próximos dois jogos.

"Draymond não vai jogar [quinta-feira]", disse Kerr. "Eu acho que "cedo seria tarde" nessa viagem. Ele não vai jogar os dois primeiros jogos. Ainda precisar ir para a quadra e eu acho que ele vai começar a fazer isso na sexta-feira (30), para daí intensificarmos o trabalho. Depois ele ainda vai precisar de alguns dias. A partir disso, [seu status] será algo como "dia-a-dia" e eu deixo isso nas mãos do Rick."

Veja Também:

Artigos Relacionados

Sobre o Autor:

William Barbosa

William Barbosa

Fã da NBA na época do NBA Jam do SNES, viveu um tempo de quarentena até passar a acompanhar novamente a partir do basquete-arte do Golden State Warriors.

Comentários

Olá, deixe seu comentário para Stephen Curry retorna ao Golden State Warriors contra o Detroit Pistons

Enviando Comentário Fechar :/

©2015 - 2018 Sobe a Bola - Todos os direitos reservados.